Provavelmente você já ouviu falar a respeito de cubagem, peso cubado e fator de cubagem — termos muito utilizados na área de transporte de cargas. Entretanto, diferenciar esses conceitos pode ser algo confuso, principalmente pelo fato de que estão ligados entre si.

Para evitar dúvidas sobre o tema, resolvemos explicar e exemplificar cada um deles, esclarecendo as diferenças. Quer saber mais sobre o assunto? Então, continue com a leitura e confira agora mesmo!

O fator de cubagem

O fator de cubagem é um número constante que equivale a 1m³ dentro do veículo que será usado para transportar as cargas. Ele é definido de acordo com o que se considera ideal para uma carga.

Cada modal de transporte possui um fator de cubagem diferente, já que cada um possui uma capacidade de carga distinta. De modo geral, no rodoviário, 1m³ equivale a 300kg.

A cubagem da carga

A cubagem pode ser definida como a ligação entre o peso que um produto possui e o espaço que ele ocupa dentro do veículo. Para se chegar a esse número, é necessário usar uma fórmula considerando as dimensões do volume, ou seja:

CUBAGEM = ALTURA x LARGURA x COMPRIMENTO

Para exemplificar melhor, vamos supor que um produto que será enviado possui dimensões de 0,8m de altura, 0,9m de largura e 0,5m de comprimento. Logo, usando a fórmula acima, podemos dizer que sua cubagem é de:

CUBAGEM = 0,8m x 0,5m x 0,3m = 0,12m³.

0,12m³ é, portanto, o espaço que será ocupado no veículo.

O peso cubado

Já o peso cubado é uma variável usada para definir o que se chama de “frete peso”, que é a relação entre peso cubado e peso físico (em kg), sendo que a cobrança do frete é feita usando o maior valor entre os dois.

Para saber qual é o peso cubado, utiliza-se a seguinte fórmula:

PESO CUBADO = COMPRIMENTO x LARGURA x ALTURA x FATOR DE CUBAGEM

Por exemplo:

Uma carga possui as dimensões de: 0,8m x 0,5m x 0,3m. Vamos usar o fator de cubagem padrão para o transporte rodoviário, que é de 300 (como dito acima). Logo, o peso cubado é de:

0,80 x 0,50 x 0,30 x 300 = 36Kg

Vale lembrar que, na hora de realizar esses cálculos, é preciso igualar as unidades de medida das cargas, ou seja, transformar as dimensões em metros.

Voltando ao frete peso, se o volume em questão possui o peso físico de 20Kg, mas o peso cubado é de 36Kg (como no cálculo), a cobrança do frete será feita com base nos 36Kg (o maior entre os dois).

Publicidade Zorte

A importância desses cálculos

Além de ajudar a elaborar uma cobrança de frete mais justa, a ideia de realizar esses cálculos é a de conseguir melhorar a consolidação das cargas, levando em consideração duas questões fundamentais:

  1. evitar consolidar uma carga muito volumosa, mas que possui um peso físico baixo, fazendo com que se deixe de aproveitar a capacidade (em Kg bruto) do veículo;
  2. evitar consolidar uma carga com poucos e pequenos volumes, mas muito pesados, fazendo com se se atinja a capacidade em Kg bruto, mas deixando muitos espaços vazios dentro do veículo.

Conhecer e compreender o conceito de fator de cubagem e peso cubado é fundamental para que se consiga tomar melhores decisões na consolidação de cargas e ainda formar um preço de frete mais justo para a transportadora, reduzindo seus custos.

Agora, leitor, aproveite os comentários e nos deixe saber: suas dúvidas sobre o tema foram esclarecidas? Compartilhe suas opiniões e experiências conosco e participe da conversa!

Comments

comments